terça-feira, 4 de abril de 2017

Multa do tribunal a presidente da câmara é notícia na imprensa nacional

“Multada em 10 mil euros por não responder a munícipe” é o título de uma notícia publicada pelo Diário de Notícia na edição em papel de 4 de abril e disponível no site do jornal. O caso tem a ver com a sanção pecuniária compulsória a que foi condenada, por duas vezes, a presidente da câmara de Tomar, Anabela Freitas, pelo Tribunal Administrativo e Fiscal de Leiria.

Mais uma vez Tomar volta a ser notícia a nível nacional pelos piores motivos.
Recorde-se que, conforme noticiámos aqui e aqui, a autarca foi condenada por não dar resposta no tempo definido legalmente ao pedido de informação de um munícipe.
Anabela Freitas, na sua defesa, desresponsabiliza-se do problema e culpa os serviços administrativos, ao mesmo tempo que se vitimiza argumentando que ganha apenas 2.600 euros de ordenado líquido, e que a última multa equivale a três ordenados.

A notícia do DN pode ser lida aqui.
Autarca multada em 10 mil euros por não responder a munícipe


5 comentários:

  1. Escola Luís Ferreira: o que interessa é aparecer!
    Que em Outubro todos se lembrem disto!

    ResponderEliminar
  2. "se vitimiza" - alguém tem dúvida que ela foi vítima de alguns funcionários? Só não vê isso quem quer mais 16 anos de "obras", estagnação e dívidas. Devido à raiva que têm contra ela, por estar a "arrumar a casa", estão a fazer tudo para a destruir - mas estão muito enganados porque ela vai resistir.

    ResponderEliminar
  3. Eu vou ser solidário com a Sr. Presidente e ajudar com 5.00E, infelizmente compreendo o quanto ineficientes podem ser os serviços da camarários.

    ResponderEliminar
  4. Precisamente... Se calhar interessa saber se estás ditas cartas chegam a quem deviam chegar e nos devidos prazos. Apesar de não isentar de responsabilidade a actual presidente acredito não ser da responsabilidade dela (espero eu! ) responder directamente a todos os pedidos e cartas remetidos à câmara. Deveremos também ter em conta que tudo isto fará todo o sentido se de algum modo se estiver a tentar denegrir o nome de alguém.

    ResponderEliminar