sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

Cartório Notarial de Tomar mudou para a rotunda Alves Redol

A partir de hoje (31/10) o Cartório Notarial de Tomar passa a funcionar na rotunda Alves Redol, no edifício da antiga casa bancária Mendes Godinho e onde chegou a funcionar a sede da Comissão da Festa dos Tabuleiros.
O edifício foi comprado há alguns anos e recuperado pelo malogrado presidente da junta da Junceira e empresário da construção civil Filipe Antunes.
A notária Paula Viegas Ferreira muda assim da rua de Santa Iria para a rua Everard, 1, 1A e 1B , a poucos metros da repartição de Finanças.

Baile das bruxas na Linhaceira


Abaixo-assinado contra abusos do padre Mário

O vigário de Tomar, padre Mário Duarte, é o alvo de um abaixo-assinado enviado ao Bispo de Santarém e subscrito por 268 pessoas, entre as quais figuras proeminentes de vários setores da sociedade tomarense.
O documento é publicado esta semana no jornal O Templário. Os subscritores apontam “algumas atitudes recentes do pároco de Tomar” que “configuram autênticos atropelos deliberados às leis da República, que a todos obrigam”. Estão em causa as obras “ilegais e clandestinas” na fachada da igreja de S. João Batista, as modificações na Capela de S. Gregório, obras feitas sem qualquer licenciamento, a “usurpação de património” (neste monumento foi colocada uma tabuleta onde se lê: "Ermida de S. Gregório, património das paróquias de S. João Baptista e Santa Maria dos Olivais”) e a retirada “pela calada” do quadro quinhentista da autoria de Gregório Lopes - A última ceia - da igreja de S. João para o Museu Diocesano de Santarém.
Os subscritores dão um prazo de 30 dias para que estas situações sejam regularizadas. Caso tal não aconteça avançam para os tribunais.
Entre as centenas de assinaturas estão arquitetos, empresários, engenheiros, professores, estudantes, bancários, economistas, funcionários públicos, vendedores, aposentados, etc.
O jornal O Templário publica os nomes dos primeiros 50 signatários,

Cantos e recantos de Tomar XXX

Mouchão. Tomar, fevereiro 2014.

Espetáculo de solidariedade hoje em S. Miguel

Nesta sexta feira (31), a partir das 21 horas, vários artistas e grupos da região sobem ao palco para ajudarem Dora Domingos, uma mulher com vários problemas de saúde.
O espetáculo solidário de variedades realiza-se no pavilhão da Associação Quatro Unidos em S. Miguel, Madalena.

Sp. Tomar leva 20 atletas a torneio internacional de judo

A secção de judo do Sporting Clube de Tomar participa este fim de semana com uma delegação de 20 atletas no XIV Torneio Internacional “Villa de Avilés”, no complexo desportivo Avilés, nas Astúrias, em Espanha.
É considerado por muitos como o melhor torneio de judo de Espanha ao ponto de a organização limitar a inscrição de atletas até ao número de 1.500 atletas.
Participam atletas de diferentes países como Portugal, Espanha, França, Inglaterra, Moldávia e Romênia.
Os atletas tomarenses são: Edgar Vasconcelos, Bruna Rodrigues, Ruben Dias, Olexandr Borodiy, Duarte Isabel, Guilherme Lopes, Guilherme Pereira, Bernardo Vasconcelos, Lourenço Miguel, Diogo Cabreiro, Aida Simão, Miguel Lopes, Rodrigo Ambrósio, António Pereira, José Brás, Tiago Félix, José Barrisco, Inês Afonso e Barbara Ribeiro,
A deslocação só é possível graças ao ‘patrocínio’ dos pais e ao apoio da secção de Judo sob orientação do Mestre Manuel Francisquinho.

quinta-feira, 30 de Outubro de 2014

Bairro 1.º de Maio inaugurado há 65 anos

30 de outubro de 1949 é uma data importante na história de Tomar porque foi nesse dia que se procedeu à inauguração de “importantes melhoramentos” na cidade.
O subsecretário de estado das obras públicas, Saraiva e Sousa, deslocou-se a Tomar para inaugurar o bairro 1.º de Maio, que na altura se chamava bairro dr. Oliveira Salazar e que é constituído por 100 casas “para famílias pobres”. Na ocasião inaugurou também a escola básica Santo António*, o parque municipal do Mouchão e a Estalagem de Santa Iria. O membro do governo descerrou ainda uma lápide que atribuía o nome de José Frederico Ulrich ao novo campo de jogos.
Há 65 anos era presidente da Câmara de Tomar o então major Fernando de Oliveira.
Recorte do jornal Cidade de Tomar de 23-10-1949 (mdthomar.ipt.pt)
* Correção: inicialmente escrevemos escola Infante D. Henrique, quando na verdade se trata da escola Santo António

Capas dos jornais locais

Nesta quinta feira estão nas bancas os dois semanários de Tomar: O Templário e Cidade de Tomar


http://www.facebook.com/tomarnarede
http://tomarnarede.blogspot.pt
tomarnarede@gmail.com