quinta-feira, 1 de junho de 2017

O desfile do Dia Mundial da Criança em imagens

Cerca de 2 mil crianças participaram nesta quinta feira, dia mundial da criança, num desfile pelas ruas da cidade alusivo ao tema dos descobrimentos.
Crianças, professores e auxilares das escolas e jardins de infância ornamentaram tratores, vestiram-se e mascararam-se a rigor e desfilaram perante milhares de pessoas, sobretudo familiares das crianças, que assistiram ao espetáculo.




















































































































































































7 comentários:

  1. Parabéns as todos que proporcionaram este dia fantástico.

    ResponderEliminar
  2. Excelente iniciativa, bem contrária ao que por aí vai.

    ResponderEliminar
  3. E aquele primeiro carro alegórico, duplo e com uma enorme caravela, certamente tão dispendioso como sumptuoso, garantidamente executado por profissionais, e adornado com três adultos, finissimamente trajados à epoca, de que forma serviu às crianças de Tomar? Quem assim dispõe os recursos financeiros deve estar muito bem abonado a esse nível.

    ResponderEliminar
  4. Já estava a estranhar que não viesse aqui alguém com as suas boquitas, não ajudam em nada mas só sabem criticar, mas como diz o ditado, enquanto os cães e cadelas ladram a caravana passa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por acaso em relação ao carro maior concordo com o anónimo anterior.
      Creio que a ideia foi muito boa e a implementação parece ter cumprido.
      As crianças estavam mesmo fantásticas, fruto do trabalho próprio e de muitos(as) professores(as) e educadores(as).
      Os carros pareciam trabalho próprio excepto um, de longe o maior, com um nivel de pormenor que não estará ao alcance de amadores. Nenhuma criança ou jovem se encontrava no carro, ao contrario de outros.
      O que tem este a ver com o dia da criança e quem o terá pago?
      De resto, sera bom continuar, para o ano voltem à carga.
      As crianças merecem.

      Eliminar